Já tem uma conta?

Translate this blog

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons nas seguintes condições: você pode copiar, distribuir e utilizar livremente, desde que cite a autoria com link para o artigo neste blog, não o utilize com finalidade comercial e não faça modificações no conteúdo.

29 novembro 2008

Assim diz o Senhor?

"Eis que eu sou contra esses profetas, diz o Senhor, que pregam a sua própria palavra e afirmam: Ele disse" Jr 23:31


Antes de mais nada, quero deixar claro mais uma vez que sou pentecostal, portanto creio na atualidade dos dons espirituais, especialmente no de profecias. Creio também que o amor àquilo que é verdadeiro deve nos dispor à luta contra o que não passa de engano.

Algumas semanas atrás, um profeta moderno desceu do púlpito e veio até a mim, pedindo que eu me colocasse em pé e estendesse as mãos em sinal de receber. Fiz o que ele disse. Então ele profetizou, em resumo, algo assim:

"Meu servo, estou rasgando documentos antigos e escrevendo documentos novos e pessoas virão pedir perdão a você e você orará por eles. Eu estou escrevendo vitória em um papel e estou colocando em sua mão, assim diz o Senhor".

Outras profecias nessa linha foram entregues a outras pessoas que estavam no culto.

Após o culto, me dirigi ao profeta e pedi para falar-lhe em particular. O diálogo que se seguiu foi o que segue:

- O que exatamente o Senhor lhe mostrou, pois o que o irmão falou não faz nenhum sentido para mim. E não condiz com minha situação espiritual no momento.

- Não lembro da profecia... sabe como é, o Senhor vai mostrando e eu vou entregando.

- Eu lembro. O irmão disse que o Senhor estaria rasgando documentos antigos. Do que se trata isso?

- Não sei.

- O irmão também falou que o Senhor estaria escrevendo documentos novos...

- Então, irmão, Deus vai fazer coisas novas na vida do irmão...

- O irmão também disse que pessoas viriam pedir perdão a mim. Quem são essas pessoas, já que não tenho inimigos e não me ocorre ninguém que esteja me perseguindo ou coisa do tipo?

- Ah, são crentes que pela frente dizem que lhe amam, mas por trás falam mal.

- O irmão disse que Deus estava me dando a vitória. Vitória sobre o que?

- Irmão, vitória é bênção, Deus vai te abençoar...

Vi que dali não saía nada, então me levantei, convicto de que o Senhor não tinha lhe mostrado nada. Se fosse levar a sério, além de ficar esperando assinatura de contratos, mudança de emprego ou qualquer coisa que implicasse assinatura de documentos, eu começaria a medir os meus irmãos na igreja, para ver quem dizia que me amava mas falava mal de mim.

Até o momento, ninguém veio me pedir perdão...

7 comentários:

Ricardo Andrei Ferran disse...

Cara, temos algo em comum, sou Calvinista e congrego num aigreja Pentecostal, aqui na Florida - US.
Mais,sobre o artigo, me recorda de um livro que chamado - O Impostor que vive em mim.
Talvez devemos distribuir este livro nas nossas igrejas Pentecotais!!
Obs: Clóvis, tem como baixar todas as suas postagens em arquivo zipado, vc poderia colocar em algum servidor e indicar o link??
Eu dublo e ouco tudo o que vc escreve, e me edifico todo os dias!!

Clóvis disse...

Ricardo,

Ainda não tive oportunidade de ler "O impostor que vive em mim", de Brenam Menning (salvo engano).

Mas o título do post é tirado do livro "Assim diz o Senhor?", de John Bevere, leitura indispensável para quem crê no dom de profecia atualmente.

Quanto a disponibilizar o material publicado no blog para leitura of-line está nos planos, mas ainda não tive o tempo necessário para fazer isso de forma funcional.

Muito obrigado pela sua leitura constante. O que escrevo aqui é para glorificar a Deus e edificar a igreja.

Em Cristo,

Clóvis

Dri disse...

Clóvis,

Me chamou a atenção o fato do "profeta" nem se quer se lembrar da "profecia" entregue a você!
Que Deus é este que mostra uma pessoa ao profeta, lhe revela algo, e minutos depois o profeta se esquece?

Bom, nem preciso dizer que sua atitude foi admirável, em ir até o pregador. Creio que, isso certamente o fez pelo menos repensar seu ministério "profético" e quem sabe da próxima vez, ele tenha mais temor para falar em nome de Deus.

Tenho para mim que a maioria deste tipo, quer apenas uma coisa: ibope diante da igreja e entre os pastores.

Grande abraço!

Fica na Paz!

Christiane disse...

Certa vez fui na igreja que minha irmã frequenta ela disse que tem uma tal profeta que só de olhar pra sua cara fala toda a sua vida.
eu sempre falo pra ela pra tomar cuidado.
Nem todos que se dizem filhos de Deus o são.

Pois bem,no final do culto a bendita mulher veio se apresentar a mim,e olhou pra minha cara e falou:Vc está com depressão!Deus vai te liberta!

Eu fiquei sem reação e sem entender nada falei pra mim mesmo:Depressão????Como assim??
Acabei de louvar a Deus,ouvir a sua palavra,estou muito feliz e ela me diz que estou com depressão???

Bem não precisa dizer que nunca mais voltei lá.

E é triste ver minha irmã defendendo está mulher e tdo que ela fala como se fosse uma Adivinhadora que usa uma(cabine) para dar conselhos.que mais me parece com coisas de Umbanda ou Espiritismo.

Admiro muito a AD até pq conheci a Jesus em umas das igrejas.
´Também acredito que Deus possa usar uma pessoa para abençoar alguém ou confortar,etc.
Mais temos q tomar cuidado com o que escultamos por ai.
Não é a toa que vemos todos os dias pessoas decepcionadas com Deus por conta de falsas profecias que não se cuprirão por não vir de Deus!

Clóvis disse...

Christiane,

O problema com a banalização do dom de profecia é que quando realmente é exercitado, de forma legítica por alguém que tem o dom, cai tudo no mesmo balaio, por conta das presepadas que se vê por aí.

É uma pena que a AD tenha permitido esse tipo de coisas, mas não é "privilégio" só dela.

Em Cristo,

Clóvis

Claudio disse...

Irmão Clóvis,

Ao ler seu artigo, despertei-me para um dado importante:

Interessante como os profetas do VT, e porque não citar Ágabo no NT, sempre liberavam palavras proféticas em ambientes caóticos onde o Senhor tinha algo importante e urgente a fazer.

Não vejo os ditos profetas de hoje em dia profetizarem aos órfãos, às viúvas, aos leprosos, aos famintos, aos que estão em um leito de dor, às cidades como Nínive, imersas na imoralidade e na perversidade.

Creio que existam profetas verdadeiros como Micaías, mas também creio que esses são os que são jogados em calabouços e ignorados, pois configuram-se indesejáveis e solitários, já que a maioria profetiza a uma voz à favor de Acabe...

Rev Claudio Tapajós.

Clóvis disse...

Rev. Carlos,

É certo que se a pessoa tiver estado no conselho do Senhor e dizzer o que realmente a igreja precisa ouvir, e não essa lustração de ego e alimentação de cobiça que se vê, não terá uma carreira muito promissora.

Para nós, pela Escritura, fica a advertência: quando disserem paz, paz, virá repentina destruição.

Em Cristo,

Clóvis

Postar um comentário

Sua leitura deste post muito me honrou. Fique à vontade para expressar suas críticas, sugestões, complemetos ou correções. A única exigência é que seja mantido o clima de respeito e cordialidade que caracteriza este blog.