Já tem uma conta?

Translate this blog

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons nas seguintes condições: você pode copiar, distribuir e utilizar livremente, desde que cite a autoria com link para o artigo neste blog, não o utilize com finalidade comercial e não faça modificações no conteúdo.

09 maio 2009

Incapacidade da carne

Quando o Espírito chama aos homens trevas, ao mesmo tempo os despoja de toda faculdade de entendimento espiritual. Razão por que os fiéis, que a Cristo abraçam, afirma serem nascidos não de sangue, nem da vontade da carne ou da vontade do homem, mas de Deus (Jo 1.13). Como se estivesse dizendo que a carne não é capaz de tão sublime sabedoria que possa conceber a Deus e ao que é de Deus, a não ser que seja iluminada pelo Espírito de Deus.

João Calvino
In: Institutas da Religião Cristã

2 comentários:

Danilo Neves disse...

Sobre Jo 1.12,13 Lutero diz:

"As palavras `não nasceram do sangue´ significam que é inútil alguém depender de sua origem familiar ou do local do seu nascimento. As palavras `nem da vontade da carne´ apontam para a insensatez de se depender das obras da lei. E as palavras `nem da vontade do homem´ mostram que nenhum esforço humano pode conseguir tonar alguém aceitável a Deus"

Soli Deo gloria. Amém!

Clóvis disse...

Danilo,

Além da fé reformada, temos afinidade profissional: sou tecnólogo em alimentos.

A sua citação de Lutero foi um ótimo complemento às palavras de Calvino.

Soli Deo Gloria

Clóvis

Postar um comentário

Sua leitura deste post muito me honrou. Fique à vontade para expressar suas críticas, sugestões, complemetos ou correções. A única exigência é que seja mantido o clima de respeito e cordialidade que caracteriza este blog.