Já tem uma conta?

Translate this blog

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons nas seguintes condições: você pode copiar, distribuir e utilizar livremente, desde que cite a autoria com link para o artigo neste blog, não o utilize com finalidade comercial e não faça modificações no conteúdo.

20 agosto 2009

Promessa a miseráveis

Ensinados pelos preceitos acerca da vontade de Deus, somos advertidos de nossa miséria, nós que, de todo o coração, dela tanto discrepamos. Ao mesmo tempo, somos instigados a invocar-lhe o Espírito, por quem somos dirigidos pelo reto caminho. No entanto, uma vez que nossa displicência não é suficientemente acicatada pelos preceitos, acrescentam-se as promessas para que, por um certo dulçor, a seu amor nos aliciam.

João Calvino
In: Institutas da Religião Cristã

2 comentários:

Juber Donizete Gonçalves disse...

Clóvis,

Se existisse uma forma de aproveitar elementos do calvinismo e armenianismo, acredito que seria onde eu melhor me definiria. Digo isto, porque sinceramente tenho simpatias e dificuldades em alguns pontos de ambas as escolas.

Abraço.

Clóvis disse...

Juber,

Que bom que apareceu!

Eu não tenho dificuldades com o arminianismo. Mas tenho com o calvinismo.

O que embotece o debate entre os dois sistemas é que ele gira em torno dos adjetivos e não dos substantivos, segundo o Packer, e eu concordo.

Talvez se aprendêssemos a discutir a eleição, a redenção e a chamada sem os qualificativos de parte a parte, compreenderíamos mais biblicamente essas questões.

Mas aí seríamos todos calvinista (rsrsrsrsrs, essa última parte foi maldade mesmo).

Em Cristo,

Clóvis

Postar um comentário

Sua leitura deste post muito me honrou. Fique à vontade para expressar suas críticas, sugestões, complemetos ou correções. A única exigência é que seja mantido o clima de respeito e cordialidade que caracteriza este blog.