Já tem uma conta?

Translate this blog

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons nas seguintes condições: você pode copiar, distribuir e utilizar livremente, desde que cite a autoria com link para o artigo neste blog, não o utilize com finalidade comercial e não faça modificações no conteúdo.

25 novembro 2009

Não julgueis... para não me desmascarar

A Nani descobriu que o Mateus 7 "é o super trunfo dos falsos profetas", pois oferece blindagem a criticas, dá base para a teologia da prosperidade e para o pragmatismo usado na defesa do que é indefensável. Isto satisfaz aqueles a quem interessa uma camadinha de verniz sobre a podridão de suas doutrinas e práticas bizarras.

Porém, a Nani azeda o caldo dos falsos profetas ao fazer o que eles nunca fazem: toma os textos em seus contextos e demonstra que o sermão do monte não é bem uma garantia de imunidade à crítica, de endosso à aberrações teológicas e práticas esdrúxulas. Pelo contrário, é uma pedra no sapato.

Por isso tudo, vale a pena você dar um pulinho até o blog dela e ler o artigo O capítulo 7 de Mateus, se é que ainda não o fez.

4 comentários:

Neto disse...

Amado Clóvis,

Posso estar enganado, mas o certo não é "desmascarar"? Está escrito no título "Desmascar"! rs

Fui la, ler o texto da Nani, e deixei um coment. Gosto da indignação dela.

Grande abraço.

Clóvis disse...

Neto,

Você não está enganado, por mais que eu vigie, vivo caindo em erros de português, etc.

Além do erro apontado, para manter a coerência com a forma verbal da primeira parte, teria que ser "para não me desmascarardes". Mas neste caso usei da licença poética que os blogueiros tem ;-)

Em Cristo,

Clóvis

Neto disse...

Bendita licença poética, que deixa os títulos mais comestiveis!!! rs

Helder Nozima disse...

Neto,

Nunca "comi" títulos, rs, mas tudo bem, heheh.

Postar um comentário

Sua leitura deste post muito me honrou. Fique à vontade para expressar suas críticas, sugestões, complemetos ou correções. A única exigência é que seja mantido o clima de respeito e cordialidade que caracteriza este blog.